quarta-feira, outubro 25, 2006

Quando o assunto é transportes!!!

Isto de poupar na gasolina e andar de transportes….não sei se compensará assim tanto!!!
Tenho que levar com cada uma!!!
Ou é o miúdo que grita para a mãe:

-MÃE TU NUNCA ACREDITAS NAQUILO QUE EU DIGO, NÓS NÃO TAMOS A IR PARA SINTRA MAS SIM ROMA-AREEIRO!!
A mãe que responde aos gritos:
-BEM, MAS TAS PARVO?!!
-MAS OH MÃE…. - Pufffffffff!!! O miúdo leva uma estalada e começa aos gritos!!!

Ou é o que vai sentado à minha frente, que vai a dormir, quase com a cabeça aterrar no chão e a babar-se!!!

Ou é as discussões permanentes dos lugares reservados:

-Dá-me licença?
-Desculpe?! Eu não me vou levantar, vá andando e veja outros.
-Mas eu tou grávida minha Senhora!
-E eu tou velha!!

Enfim, há de tudo….e eu, é melhor estar caladinha senão ainda me toca a mim!!! Se acontecer ai não me calo não!!!

19 comentários:

O Anarquista Duval disse...

O segredo é andares de phones nos ouvidos, com boa música e bem alto!

conselho:"I hate you" dos Slayer

é terapia para a alma...

Cocas disse...

Anarquista

E depois?!! Achas que não ficam a olhar para mim e a fazer aquelas criticas "esta deve ser doida" ou "esta deve ser surdinha"?
Achas que não corro o risco de me pedirem para baixar o som?! É que depois eu não me calo, ai não calo não!!!!!

Anónimo disse...

Uma vez escrevi um texto sobre como calar esses putos chorões, mas era demasiado violento, até mesmo para mim... não tive coragem de o publicar! Também tu sofres com os transportes, Sofia? Olha que para mim é uma fonte de inspiração, aquele trajacto diário Sintra - Lisboa, via CP e Metro.

Trivialidados disse...

Realmente temos que levar com cada cromo e com nenhum educação. Por isso fiz greve à muito tempo aos transportes.

Unicus disse...

É óbvio que para se obstar ao uso do transporte privado tem de se criar uma rede eficaz de transporte público. E mudar as mentes. Essa parece ser a parte mais dificil.
Beijo

Enfim... disse...

essas são so as tradicionais porque dps inda á as involgares llooll.Bjs

Bia disse...

Olá Sofia. Andar de autocarro tem de tudo... há momentos verdadeiramente desagradáveis, que chegamos ao fim do percurso com a cabeça aos papos... há outros em que se aprende alguma coisa, tem-se outras vivências... ainda no outro dia entrou um Sr. bem velhinho no autocarro, e um rapaz deu-lhe logo o lugar e eu fiquei a observá-lo (sou muito observadora...) e ele apesar de ter para aí uns oitenta e muitos anos, tinha um olhar lindo, uns olhos rasgados de um castanho donde saía um brilho daquele da eterna juventude... via-se que em tempos fora um belo homem e com toda a certeza teve uma vida repleta de bons momentos porque aquele olhar tão lindo e feliz não podia querer dizer outra coisa, aí eu pensei bem Bia, pode-se ser bem feliz até se ser bem velhinho...
Uma beijoca

asdrubal tudo bem disse...

O grande problema é a falta de educação e respeito pleos outros isto para não falar na falta de higiéne.

P.S. não te esqueças do meu mail.

Cocas disse...

Rafeiro Perfumado

Se sofro?!! Poxa, passo com cada cena que só visto.De inspiração lá isso é!! Nem imaginas o quanto :P

Cocas disse...

Trivialidados

VIVA A GREVE!!!!LOL

Cocas disse...

Unicos

No meio disto tudo, também devo confessar que divirto-me!!!

Cocas disse...

Enfim

E muitas!!:)

Cocas disse...

Olá Bia, sim,nem tudo é mau e olha que já passei por situações comoventes com pessoas mais idosas, por essas mesmas razões que apresentas e tenho um texto publicado sobre uma Senhora que encontrei numa das minhas viagens diárias...mas esta Senhora...tinha um olhar bem triste...
Talvez um dos olhares que guardo na minha memória...
Beijos

Cocas disse...

Asdrubal

Agora lembrei-me, neste Verão os transportes andaram a chegar atrasadissimos, o que levou a enchentes nos transportes que quase nem dava para respirar. Os cheiros?!!...nem te conto...quase que vomitava...e eu que não gosto nada de sentir o calor humano de pessoas que não conheço:P
Já para não falar no cheiro a suor, blaaaaacccccc!!!!!!

Ari disse...

A unica coisa boa nos transportes é não andarmos ás voltas como uma barata tonta á procura de um lugar para estacionar :)

uma beijoka

Anónimo disse...

hehe eu sei do que falas.. infelizmente.. hehe
tenho visto com cada uma..

Engraçado ver este teu post no dia em q escrevi um sobre transportes tb..

Gostei do teu cantinho.. vou passar por aqui mais vezes..

Jinho azuli..

Cocas disse...

Karlytus

Não copiei, juro!! Olha eu mostro as mãos...vês?...não estão amarelas!!! eh eh eh

Cocas disse...

Ari

é verdade:)
beijos

Pacanherros disse...

Sabem quando alguém nos diz alguma coisa, não percebemos e respondemos com um amigável "Pôje é pôje" (pois é pois, em algarvio)? Não sei se sabem, mas nos autocarros proporcionam-se belas conversas desse tipo, só que durante 6 ou 7 estações, e especialmente em países estrangeiros, como Espanha (Sevilha) ou Áustria (Vienna) ou até Alemanha (Munique). Mas nós não podíamos deixar as pessoas sem resposta e facilmente improvisamos belas discussões filosóficas com quem se cruza nos transportes connosco. Afinal, somos os Arranhí Pacanherra. Ainda hoje temos a impressão que uma vez nos convidaram para uma sessão de sexo em grupo. Mas nós não fomos.
Atenciosamente
AP

P.S. - Ó rapariga, cai lá as vezes que quiseres, tem é cuidado para não te aleijares.